sexta-feira, 19 de julho de 2024

Cristiane de Magalhães

Os mortos morrem devagar

“uma crise de infarto dura cinco minutos um acidente de carro é questão de segundos os vivos morrem logo são os mortos que morrem devagar

Ao mestre com burnout

No turno noturno, o ar era de maturidade. Parte dos alunos era composta de jovens maiores de dezoito anos que já trabalhavam durante o dia,

Das vantagens de ser sertanejo

Por Cristiane de Magalhães – poeta, professora de Língua Portuguesa. A vida simples almejada pelos apressadinhos dos grandes centros e divulgada pelos desapegados pós-modernos. Ah,

Malassada e chapéu de couro

Por Cristiane de Magalhães – poeta, professora de Língua Portuguesa. O bom é que acontecia mesmo! Aquela casa no interior do interior do Maranhão foi

A EDUCAÇÃO BÁSICA É FEMININA

Por Cristiane de Magalhães – poeta, professora de Língua Portuguesa. Até metade do século XIX, as mulheres tinham educação restrita. As de classes mais altas

Arte x barbárie

Por Cristiane de Magalhães – poeta, professora de Língua Portuguesa. Os bens culturais e artísticos, são formas de o ser humano expressar opiniões, visões de

Natal no sertão

Por Cristiane de Magalhães – poeta, professora de Língua Portuguesa. Entre o fogareiro e a entrada do barraco, o presépio montado desde o dia 06

É só a minha opinião.

Vivemos o período da história chamado opinionismo (sic). Todos temos opiniões sobre tudo. Segurança Pública, Educação, Leis. Com o pretexto da liberdade de expressão, cometem-se

“Minha poesia cuida de mim”

Comemorei aquela bola fora, com o mesmo entusiasmo de quem estava no estádio. Ao ver o pênalti do Roberto Baggio indo parar na torcida, senti

Publicidade

Sites relevantes para pesquisa

Nós, do site Região Tocantina, queremos desejar, a todos os nossos leitoras e nossas leitoras, um FELIZ NATAL, repleto de fé, alegria, paz, saúde e felicidade.

E que as comemorações possam realçar nossos melhores e duradouros sentimentos.

FELIZ NATAL!

Publicidade